Páginas
10/11/2016
0

Que o meu livro já tem muitas histórias destas, daquelas e de tantas outras.

Dizem-me:

– Enquanto há vida há páginas.

E nas páginas há vida que não nos deixa esquecer o que a nossa história nos faz.

Em páginas de histórias intermináveis, porque nada acaba com pontos finais.

Apanhamos o que deixaram de nós.

Ficam com quem éramos e nós tornamo-nos sempre outras coisas.

Nestas páginas o acumular de tristeza e riqueza existe numa constante de enterrar coisas más e seguir, seguir em frente com as páginas que se têm para escrever e aquilo que as histórias nos fazem para que, as próximas sejam melhores e para que em cada página nos possamos fazer mais de nós.

Dizem-me:

– As pessoas não percebem quem seguram.

E seguram, levam, mas dão, doam para todas as nossas histórias de páginas que se escrevem e vidas que se vivem.

Alexa Santos

Alexa Santos

Depois de anos sem encontrar um espaço que pudesse chamar seu, Alexa criou o queeringstyle. No início uma página de Tumblr, hoje um espaço para pessoas que queiram falar, estar, partilhar. Não sabe muitas vezes parar porque, tudo o que faz vem do centro do peito. Gosta de fazer muitas coisas ao mesmo tempo, por isso é possível que se encontrem algures. Se sim, não deixes de dizer olá.
Alexa Santos

Artigos recentes por Alexa Santos (ver todos)