OnUrb – DO INÚTIL À QUALIDADE SUSTENTÁVEL
02/10/2016
0

A Onurb é a prova de que os produtos handmade, produzidos a partir de materiais têxteis considerados em fim de vida, dão origem a novos produtos e de valor acrescido. Esta é também a marca que dá início a um movimento que pretende envolver os clientes e alertálos, enquanto consumidores, para a necessidade de abrandar o consumo numa das indústrias mais poluentes e exploradoras, a industria do Fast Fashion.

Criada pelo designer portuense Bruno Cunha, a Onurb surge através da transformação de peças de vestuário, aparentemente já sem uso, em acessórios. Neste momento a marca transforma calças e retalhos de tecido em mochilas, malas e tote bags, e cada modelo produzido é único e todos os exemplares têm pormenores ou formatos diferentes. Contudo, existe liberdade para o cliente personalizar a sua compra, quer pela entrega dos tecidos ou peças de roupa, quer pela escolha do formato ou até através das duas opções. O objetivo é que o cliente conheça e participe no processo criativo. Apesar de neste momento estarem a ser desenvolvidas apenas mochila e malas, a Onurb está disposta a aceitar novos desafios criativos.

O projeto, que surgiu em abril deste ano, tem as redes sociais como o grande meio de divulgação da marca. É através do Facebook e do Instagram que são dados a conhecer os novos artigos e informações sobre os pontos de venda da Onurb. Quanto às encomendas, estas podem ser feitas também pelas redes sociais. O consumidor da Onurb pode ir dos oito aos oitenta e a marcar consegue apresentar artigos acessíveis a todas as carteiras. Neste momento, o projeto conta com mais duas pessoas que trabalham no desenvolvimento de produto e comunicação da marca.

14489632_921407807989155_633353925_o

BRUNO CUNHA

As diferentes formas de expressão criativa fizeram com que Bruno Cunha, de 26 anos, desde cedo se envolvesse em atividades ligadas ao teatro, fotografia, pintura, cinema, e isso refletiu-se no percurso que traçou para sua forma formação académica. Após estudar Artes Visuais, licenciou-se em Design de Moda, pela Universidade da Beira Interior. Durante o período académico participou em concursos nacionais abertos a jovens designers, como o Modtíssimo e o Acrobatic, em 2013. Fez também workshops ligados às mais diversas áreas e técnicas de produção de vestuário e foi precisamente a partir de um workshop que surgiu a oportunidade de estagiar em Eindhoven (Holanda), na Elementum by Daniela Pais. A sua veia de empreendedor teve maior expressão quando, em 2013, cria o movimento de intervenção artística e cultural Expand Your Mind que agita cidade da Covilhã durante dois anos. Já no mercado de trabalho, depois de concluir os estudos, a determinação de Bruno Cunha leva-o trabalhar com empresas de design vestuário e acessórios nacionais, como é caso da Parfois ou Ecovest onde, nesta última, desenvolve vestuário para a cadeia Zara Kids. Bruno Cunha inspira-se e acredita no design como um todo que está presente em tudo o que há à nossa volta, chegando mesmo a admitir que “o design é a possibilidade de tornar ideias em matéria física”.

COMO SURGE A ONURB

A criação da Onurb surge como uma alternativa à indústria da moda descartável. Esta foi uma forma que Bruno Cunha encontrou para dar resposta a preocupações que tem relacionadas com o consumo descontrolado da indústria moda, nomeadamente de produtos fast fashion, e todo o impacto que esta indústria altamente poluente provoca no meio ambiente. A curiosidade e o interesse por estas questões surgem na faculdade, através de Elsa Lima. A professora universitária procurou incutir nos seus alunos, futuros designers, noções de responsabilidade para que, enquanto criadores de soluções benéficas para o dia-a-dia, prestem atenção ao impacto que essas soluções poderão provocar no meio em que se integram, nomeadamente o meio ambiente.

Bruno Cunha absorveu essa mensagem de responsabilidade e começou a investigar sobre os métodos de produção em massa da indústria do vestuário e quais os custos humanos e ambientais que lhe estão subjacentes. Mais tarde, no mercado de trabalho, as suas experiências profissionais foram também o reflexo dessas preocupações: colocar ao dispor de todo o tipo de consumidores produtos atuais, que sigam as tendências da moda e lifestyle mas que acabam por pôr em risco os recursos ambientais e o próprio ser humano.

“Percebi que é necessário repensar a forma irracional como consumimos tudo o que está à nossa volta. A Onurb surge nesse sentido. Ela representa o conceito de sustentabilidade em todos os aspetos que afetam a nossa vida, desde o ambiental, o social, o económico mas que quer também apresentar ao cliente, enquanto consumidor, uma nova forma de pensar tudo aquilo que já adquiriu e que tem encostado numa prateleira e quantas vidas pode esse par de calças ainda ter e, ainda assim, ganhar maior valor”, acrescenta o designer portuense.

URCYCLING E SLOWFASHION

Ao criar a Onurb, Bruno Cunha quer apresentar mais do que um produto. O reflexo disso é a concretização dos conceitos de upcycling e slow fashion. Upcycling significa usar produtos em fim de vida e sem uso e criar um novo produto, mas de maior qualidade e valor do que anterior tinha. Através deste conceito pretende evitar-se o desperdício de materiais potencialmente úteis, revitalizando-os e dando-lhes uma nova utilidade.

Traduzido à letra, slow fashion quer dizer moda lenta. É precisamente isso que o conceito representa, criar e apostar em vestuário mais duradouro, o que levará ao menor consumo de vestuário descartável. A longo prazo, os produtos de vestuário de curta duração tornam-se insustentáveis não só para o meio ambiente mas também para as economias familiares.

Ao pegar nestas duas perspetivas, Onurb apresenta uma alternativa não só de produtos, mas também uma alternativa de pensamento. É sugerido ao consumidor que repense a forma como é levado a comprar, o que está a comprar e se realmente tem necessidade desse produto. Estes são ainda conceitos que permitem ter e praticar um lifestyle atual e, ao mesmo tempo, mais económico e sustentável a vários níveis.

14467048_921407734655829_1461977378_o

Onurb

Porto – Portugal

Facebook: www.facebook.com/onurbupcycled/

Instagram: www.instagram.com/onurb_upcycled

E-mail: onurbupcycling@gmail.com

Queering style

Queering style

O queeringstyle é um espaço queer feminista, que tem como missão a visibilidade de discursos, de identidades variadas para que pessoas possam falar de si, estar e ocupar espaço.
Queering style

Artigos recentes por Queering style (ver todos)