Carta aberta: Women Summit
28/02/2017
0

Cara equipa Women Summit:
Indagamos-nos sobre a verdadeira intenção de realizar um evento para debater a igualdade de género:
* Uma vez que apresentam um painel de oradoras que não aparenta diversidade étnica, pelo contrário, aparenta uma semelhança com a população claramente privilegiada (ver conceito de white privilege)
* Tendo a vossa equipa vindo a público afirmar que a questão da “raça” é um “não -assunto” o que revela desde logo o brutal desconhecimento sobre o tema que se propõem debater e sobre a preocupação com a interseccionalidade nas questões de igualdade de género;
* Quando afirmam que se basearam na meritocracia e que convidaram mulheres de várias etnias mas ninguém aceitou – perguntamos quem convidaram? E estão dispostas a aceitar candidaturas de quem queira erguer a sua voz neste sentido? Temos propostas!
* Como se propõem a debater este tema não tendo convidado para oradoras algumas das mais conceituadas mulheres com conhecimentos efetivos sobre o tema em causa! E se as temos no Porto e pelo país todo! Das ONG, das universidades, das empresas, da área da cultura?!
* Como se propõem a debater a igualdade de género num evento cujos preços de bilhetes excluem à partida a maioria das mulheres e portugues_s sem disponibilizar bilhetes gratuitos ou alternativas de participação para quem não tem possibilidades de acesso – incluindo até estatutos como estudantes, desempregad_s, activistas?!

REPUDIAMOS toda e qualquer usurpação do conceito de Igualdade de Género para a auto-promoção de entidades privadas que não só não tem provas dadas na área como revelam profundo desconhecimento da mesma e desrespeito por quem tem!
* REPUDIAMOS que ousem dizer a uma Mulher que o seu nome nunca ficará para a história!!!!!
Por último, reconhecemos a necessidade de eventos onde se dê voz às mulheres e espaço à discussão sobre igualdade. Mas não como este vosso evento.
Caso queiram auxílio na promoção de um evento inclusivo e representativo contactem as organizações no terreno.
Somos muitas e somos pela causa.
As seguintes organizações e colectivos também subscrevem esta carta aberta:
Femafro
UMAR – União de Mulheres Alternativa e Resposta
REDE de Jovens para a Igualdade
APi – Associação Plano i
Saber Compreender
Associação Projecto Criar
Capazes
Intervir.Com – Associação
Plataforma Femininjas 
SOS Racismo

Queering style

Queering style

O queeringstyle é um espaço queer feminista, que tem como missão a visibilidade de discursos, de identidades variadas para que pessoas possam falar de si, estar e ocupar espaço.
Queering style

Artigos recentes por Queering style (ver todos)